quinta-feira, 5 de agosto de 2010

2º Conselho

Nunca aceitem ser Padrinhos de ninguém, a menos que sejam filhos de alguma irmão (e mesmo assim pensem bem nisso) . Mais tarde ou mais cedo vai haver algum afastamento com os Pais da criancinha, seja por zangas , divergências ou simplesmente porque as nossas vidas e os nossos planos de vida tomam diferentes rumos, seja porque razão for a dada altura um afilhado (a) passa a ser uma fonte de chatices e um problema em vez de uma motivo de prazer e orgulho.

7 comentários:

Vontade de disse...

É justo.

Marta disse...

Nunca fui madrinha de ninguém mas estou para ser tia a qualquer momento e em princípio a minha irmã já me fez a conversa que serei eu a madrinha.
Mas concordo contigo, não fosse ser meu sobrinho e nem pensaria nisso.

Já agora, a madrinha da minha filha é a minha irmã, não faria sentido pensar noutra pessoa.

Obrigado pela visita.

Anónimo disse...

Desiste tão facilmente?

Também não sou do Sporting

Filhozinhafofa

Separado de Fresco disse...

Filhozinhafofa, agora fiquei baralhado, desito de quê facilmente?

Anónimo disse...

Há dois separadodefresco? se há, desculpe, foi engano.

BFS

Filhozinhfofa

Minhoca disse...

Bem e parece que a ausencia te deixou amargo :)

Pedro disse...

Concordo.